Missões – Olhando para grande comissão

“E disse-lhes: Vão pelo mundo todo e preguem o evangelho a todas as pessoas. Quem crer e for batizado será salvo, mas quem não crer será condenado. Estes sinais acompanharão os que crerem: em meu nome expulsarão demônios; falarão novas línguas; pegarão em serpentes; e, se beberem algum veneno mortal, não lhes fará mal nenhum; imporão as mãos sobre os doentes, e estes ficarão curados” (Mc 16.15-18).
Existe uma ordem imperativa dada pelo Mestre e, infelizmente, alguns crentes e igrejas obedecem como o Mcdonalds: parcialmente. O Mcdonalds vai por todo mundo, mas não prega o Evangelho e algumas igrejas pregam o Evangelho, mas não vão pelo mundo todo. O atendimento integral a ordem de Jesus envolve cinco fatores: Ação, Geografia, Comissão, Abrangência e Essência.
A ação indica a necessidade de ir, ou seja, é preciso movimentar-se, ter ação e não esperar as pessoas virem ao templo. O fator geográfico diz respeito a não reconhecer fronteiras, antes transpor a todos os limites, sejam eles geográficos, culturais ou étnicos considerando que o pecado não obedece a esses limites, então a graça de Deus precisa alcançar a todos e em todos os lugares. Nisso já está implícito outro fator da obediência incondicional: todas as pessoas, e essa deve ser a abrangência do evangelho – pregar a todos.
Os últimos dois fatores são a comissão e a essência dessa comissão. Para sentirmo-nos comissionados por Deus é preciso pregar o evangelho e não devemos confundir isso com a expansão denominacional ou promoção da instituição chamada igreja, também é necessário que essa pregação seja acompanhada de sinais, verdadeiros testemunhos de Deus que aprovam nosso trabalho como igreja – isso é a essência da comissão. O nascimento de uma nova igreja pode ser a consequência do resultado da pregação, pois pessoas podem se converter e caso isso aconteça precisam ser agrupadas para a vida cristã em comunidade.
Nem sempre as pessoas se convertem, então mesmo que não haja esse resultado se houve a pregação houve o atendimento a ordem imperativa de Jesus! Sendo que o local onde deve ser cumprida a missão é o mundo (“vão pelo mundo todo”) surge uma importante questão a se pensar: Onde é o seu mundo? Penso que a melhor resposta começa pelo pensamento de onde inicia o seu mundo, e acredito que o mundo de cada pessoa inicia em si mesmo e depois se estende pelas pessoas mais próximas, a média distancia, um pouco mais longe e assim por diante. Então pregue a você mesmo o evangelho e com seu testemunho de vida comece a pregar aos familiares, amigos e colegas de trabalho. Quem faz isso é levado pelo Espírito Santo a pregar ao mundo todo através do ir, do orar e do contribuir.
Joel Stevanatto
Pjstevanatto2gmail.com
www.joelstevanatto.com.br
Também no Facebook.